Curisidades e As Melhores Musicas da Banda Pink Floyd

as melhores musicas da banda pink floyd
Bom amigos hoje vou escrever sobre uma de minhas bandas favoritas, desde pequeno sempre tive influência do Rock através de meu pai, e Pink Floyd era uma das bandas favoritas dele, constantemente colocava as músicas no último volume no som e eu presenciando isso durante minha infância e adolescência aprendi a gostar também, trata-se de uma banda com musica excelente mas apenas para quem tem bom gosto.






integrantes da banda pink floyd
A BANDA
.A banda de Rock Progressivo formada em Londres em 1965, chegou a vender mais de 250 milhões de álbuns no mundo todo, durante a história da banda alguns integrante saíram, deixando Roger Waters como principal compositor e líder conceitual do grupo. Depois de haver intrigas entre os integrantes por uso indevido do nome da banda, e ter rolado até processo, finalmente deixaram as intrigas de lado e se reuniram em 2005. Muitos de seus clipes incluem animações psicodélicas, suas músicas capricham no instrumental que chega a dar gosto de ouvir no ultimo volume enquanto degusto um vinho, e as traduções de suas letras mostram conteúdo reflexivo e conotações históricas, realmente não são musicas para qualquer um.





as melhores musicas da banda pink floyd


resenha do filme the wall
O FILME THE WALL
O filme produzido com base no álbum The Wall da banda em 1982, possui poucos diálogos e o que narra a história são as músicas e algumas animações psicodélicas que explicam toda a trajetória e os fatos que cercam o personagem principal, Pink, que em sua infância e logo no início do filme, perde o pai na primeira guerra mundial (em referência a perda do pai do vocalista da banda Roger Waters), mostrando ser um garoto emocionalmente abalado por isso, Pink também sofre humilhações dos professores maldosos na escola por causa de seus poemas  (narrada pela música Another Brick in the Wall), como se não bastasse Pink sofre também como a superproteção da mãe, cresce então e se torna um astro do rock revoltado, que por negar atenção a esposa, também termina traído pela mesma, em um de seus ataques de depressão Pink se droga em seu quarto, fica doidão, quebra a mobília e raspa as sobrancelhas e fica boiando na piscina, seus produtores arrombam a porta e encontram ele caído na poltrona inconsciente e tentam reanimá-lo (espisodio narrado pela música confortably numb) o levam para o Show mesmo estando sob alucinações, onde ele se imagina ser um ditador (sátira descarada ao nazismo episódio narrado pela música in the flesh) e manipula sua platéia para que ataquem as minorias, depois disso trancado em um banheiro escrevendo letras, Pink constrói um muro imaginário para se afastar das pessoas, e em sua mente se inicia um julgamento onde sua mãe, seu professor e esposa o acusam, e um juiz gigantesco o condena a destruir seu muro e a se expor as pessoas novamente, o muro significa as dificuldades que qualquer pessoa tem na vida.





AS MELHORES MÚSICAS


Obs: ao clicar no link e abrir a música no site kboing, se não começar a tocar, tecle F5.



Wish You Were Here
De início pelo título da a pensar que se trata de uma música romântica o que não é verdade, segundo um dos integrantes, esta música é um apelo pelo lado humano de todos da banda, uma vez que depois de tantas turnês e tanta fortuna, acabaram se sentiam se sentindo mesquinhos e desgastados, a letra deixa claro o modo forçado que a sociedade nos impõe de trocar o belo da natureza pelo artificial do capitalismo.





Another Brick in The Wall
Essa música narra a parte do filme em que Pink é humilhado pelo professor, em sua imaginação ele vê a escola como uma máquina de padronizar os alunos em clones que seguiam numa esteira direto para um triturador, a música mostra o porquê do professor agir daquela forma e um ponto de vista que diz que eles serão apenas mais ´´um tijolo no muro´´ acontece então uma rebelião dos alunos contra ao sistema educacional.


>>>>>> OUVIR <<<<<<<




On The Turning Away
Esta musica é uma das mais lindas que ja ouvi na vida, tanto o vocal quanto os solos de guitarra estarrecedores e a letra ainda mais linda, que fala das questões sociais como pobreza e opressão, relatando a questão das pessoas se afastarem das que estão passando dificuldades, ensina que nao devemos dar as costas aos outros e que devemos ser mais solidários







High Hopes
As letras desta magnífica música falam sobre o que poderia ser ganho ou perdido na vida, esperança,egoísmo,arrependimento, individualismo e também fala sobre o ponto de vista de David Glimour a partir de seus primeiros dias de músico quando teve de abandonar sua cidade natal, uma canção longa com variações que a tornam maravilhosa intensa








In The Flesh
Com uma abertura impressionante digna de se ouvir em High Quality e em som alto, essa música é épica, ela retrata o momento no filme em que Pink se acha ser um ditador, claro, uma sátira histórica e debochada a Hitler, e durante a letra e a atuação no filme, ela retrata a intolerância do ditador em condenar gays, negros e outras minorias com os clássicos gritos, gestos, roupas e bandeiras dignos dos antigos ditadores carrascos.









Hey You
Essa musica não participou do filme The Wall, mas o tema é o mesmo, Pink o personagem que se esconde atrás de seu muro imaginário e pede ajuda a outras pessoas com sua paranoia, uma coisa interessante é que ela também se assemelha a visão de um prisioneiro do holocausto, quando cita ´´ não ajude eles a enterrarem a luz´´, ´´me ajude a carregar as pedras´´, ´´e os vermes comeram seu cérebro´´.








Time
Essa música retrata uma questão um tanto quanto pertubadora e presente em nossas vidas o tempo, o quanto o subestimamos, o quanto nos dedicamos a rotina em cidades grandes e deixamos o tempo passar, e notamos a vida passar rapidamente sem aproveitar, ou seja o quanto nos acostumamos com o estresse e o tédio da vida urbana repetitiva, possui solos de guitarra fodásticos.






Confortably Numb
Esta música retrata a cena em que um médico e o gerente do hotel e os produtores de Pink invadem seu quarto e flagram sua mobilha toda destruída por sua paranoia, a música se passa como se fosse o doutor conversando com Pink meio grogue e tentando reanima-lo, no meio desta música tem um solo de guitarra mais doido que ja ouvi na vida, é uma musica que retrata a alucinação das drogas por Pink.






Shine on Your Crazy Diamond
Esta é uma música em grande parte instrumental, escrita em tributo ao ex-integrante da banda Syd Barrett, a música usa de termos metafóricos para se referir a um personagem, falando da infância e da vida do tal Diamante Louco, a música deixa claro que Syd se inspirava muito no LSD para compor sua músicas, mas posteriormente a droga acabou levando ao enlouquecimento.












È isso aí galera, queria fazer esse post porquê não poderia faltar nas minhas coisas, eu gosto muito de musicas que possuem poesia, reflexão, e misturado ao Rock então, esplêndido, maravilhoso, da pra viajar só curtindo as musicas deles.









2 comentários:

  1. Prezado Marco
    Pediria que visitasse o site
    http://martimjjp.wix.com/author-tou-pt

    Segue a minha folha pessoal
    Nome: Martim José Jadyr Pereira


    Formação:
    • Licenciado em Matemática / Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG

    • Engenheiro Operacional Eletricista / Universidade Federal Tecnológica do Paraná - UFTPR

    Especializações:
    • Gerência de Instituições de Formação Profissional / Organização Internacional do Trabalho - OIT / Turim - Itália

    • Automação Industrial / Tel-Aviv University - Technical College – Tel-Aviv / Israel

    Histórico de Trabalho:
    • Indústrias Klabin de Celulose e Papel
    • Rede Ferroviária Federal S.A. (RFFSA)
    • Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI):

    - Diretor do Centro de Formação Profissional de Curitiba / SENAI - Curitiba/PR
    - Chefe da Divisão de Ensino do Departamento Regional do SENAI do Paraná- Curitiba/PR
    - Coordenador de Projetos de Transferência de Tecnologia e Ensino do Departamento Regional do SENAI do Paraná- Curitiba/PR.
    • Escritor


    Att.

    Martim J. J. Pereira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola Martim, visitei sim, o tema do seu projeto é mesmo muito interessante e surpreendente, realmente me chamou a atenção, parabens pela iniciativa de escrever sobre tais temas que cada vez mais assombram a modernidade, sucesso ao seu livro, um abraço

      Excluir

--------->>> REGRAS <<<--------------

- Este blog não fecha parcerias com outros blogs e nem com empresas
- Comentários ofensivos NÃO SERÃO LIDOS E SIM ´´EXCLUÍDOS´´
- Reporte erros e falhas do blog como links quebrados, videos fora do ar ou equívocos, agradeço.
- Não coloque links dentro do comentário, coloque em ´´comentar como nome/url´´
- Você tem alguma dica, indicação, sugestão que complementa o post ? comenta ai que eu avalio e adiciono ao post !
- Se desejar que eu responda, cite meu nome ou faça uma pergunta e responderei assim que possível
- Seja educado
Obrigado pela visita